Regulamento

1. DISPOSIÇÕES GERAIS 

1.1 Este Regulamento dispõe sobre a organização da VIVA CIÊNCIA 2019, evento aberto ao público que ocorrerá no Campus Araguaína/IFTO e que se constitui num espaço para divulgação, promoção e exposição de trabalhos realizados por estudantes de nível fundamental e médio de Araguaína e de outras regiões do país. 

1.4 Fraudes e má conduta científica não serão aceitas. Tais práticas incluem o plágio, falsificação, apresentação de trabalhos de outros pesquisadores e a fabricação de dados. A Comissão Organizadora reserva-se o direito de revogar a inscrição de um projeto posteriormente considerado fraudulento. 

1.2 Todas as pessoas que participarem de qualquer forma do evento estarão sujeitas às condições deste Regulamento. Não serão aceitas alegações de desconhecimento deste documento, já que será dada a publicidade necessária e suficiente do mesmo. 

1.3 A Comissão Organizadora se reserva ao direito de penalizar as equipes que contrariarem este regulamento. 

1.5 As despesas que porventura surgirem antes, durante e após o desenvolvimento do projeto, incluindo a impressão do pôster para a Mostra de Projetos, serão de responsabilidade de cada equipe finalista. 


2. OBJETIVOS

  • Estimular novas vocações através da realização de projetos criativos e inovadores e aproximar a Educação Básica do Ensino Superior, criando oportunidades de interação espontânea entre os alunos e professores das escolas com a comunidade universitária (alunos universitários e professores) para uma melhor compreensão dos papéis das Universidades em Ensino, Pesquisa, Cultura e Extensão; 
  • Promover uma Feira Nacional de Ciências e Engenharias envolvendo alunos de instituições públicas e privadas do ensino médio e técnico, estimulando o interesse pelas ciências e o desenvolvimento da pesquisa, tendo como preocupação maior a possibilidade da produção científico-tecnológica; 
  • Promover a articulação, estruturação e fortalecimento das redes tecnológicas regionais, estaduais e nacionais que geram e difundem conhecimento para as estruturas educacionais, permitindo viabilizar as atividades científicas como potenciais em empreendedorismo; 
  • Incentivar o desenvolvimento de pesquisas científicas e melhorar a qualidade das pesquisas produzida nas escolas das diversas redes, aproximando as escolas da educação básica e técnica do Ensino Superior. Neste aspecto, a possibilidade de intercâmbios e debates com especialistas e estágios dos alunos premiados junto a laboratórios, institutos de pesquisa e empresas interessadas que propiciem ao aluno uma contribuição criativa e realizadora no meio, em busca de ganhos econômicos e sociais; 
  • Promover o desenvolvimento e a consolidação de atividades de iniciação científica entre os alunos da educação básica e técnica, visando uma aproximação das iniciativas apresentadas na VIVA CIÊNCIA, nas proposições de soluções das demandas dos pequenos empreendimentos quanto à atualização tecnológica e inovação; 
  • Incentivar programas de registro de marcas e patentes da produção científico-tecnológica apresentadas pelos alunos do ensino fundamental, médio e técnico, semeando a cultura da inovação; 
  • Chamar a atenção do jovem pesquisador da região para o potencial cultural, natural, energético e econômico da região, iniciando uma reflexão sobre esse ambiente, auxiliando no desenvolvimento de um cidadão mais comprometido com as possibilidades de melhoria da sua comunidade; 
  • Incentivar a criação de linhas de pesquisa que possam atuar em benefício técnico-científico do setor produtivo primário expressivo desta região, possibilitando a aproximação das instituições de ensino com o setor e com as propriedades rurais produtivas, incentivando parcerias e intercâmbios. 
  • Popularizar as ciências mostrando para o público leigo que pequenos avanços tecnológicos são possíveis partindo de ações de pesquisa e desenvolvimento de projetos. Propor à cidade um buscar de ações mais ativas e menos contemplativas. 

3. FORMAÇÃO DAS EQUIPES 

3.1 Os alunos podem participar com trabalhos de pesquisa individual ou em grupo de no máximo (03) três. 

3.3 Não serão permitidas equipes com alunos de diferentes escolas, ainda que pertencentes à mesma rede de ensino ou à mesma mantenedora. Se um ou mais alunos participarem de mais de uma equipe ao mesmo tempo, as equipes a que este ou estes alunos pertencerem serão desclassificadas. 

3.2 Um mesmo aluno não poderá participar de mais de uma equipe. 

3.4 Integrante(s) poderá(ão) ser adicionado ou substituído somente até 06 de outubro de 2019. A alteração deverá ser comunicado por escrito a comissão organizadora justificando no mesmo os motivos. 

3.5 É obrigatório que a equipe envie até 03 de novembro de 2019 para o e-mail contato@vivaciencia-tocantins.com o certificado do Curso de Metodologia da Pesquisa e Orientação de Projetos de Iniciação Científica, disponível pela plataforma APICE (Aprendizagem Interativa em Ciência e Engenharia), sendo este realizado pela plataforma on line: https://apice.febrace.org.br/modulos_metodologia

4. ORIENTADOR E COORIENTADOS 

4.1 Todos as equipes devem contar obrigatoriamente com 1 (um) adulto orientador, podendo ter ainda, de forma opcional, 1 (um) coorientador

4.3 O orientador deve possuir vínculo empregatício no mesmo estabelecimento de ensino dos seus orientandos. 

4.2 Orientadores e coorientadores poderão participar de múltiplos projetos. 

4.4 O coorientador deve ter no mínimo 18 anos. 

5. PROJETO 

5.1 Serão aceitos trabalhos nas mais diversas áreas do conhecimento cuja elaboração atenda aos requisitos da Metodologia Científica (Projetos de Ciência) ou da Metodologia de Engenharia (Projetos de Engenharia) e que tenham significativo grau de criatividade e relevância. 

5.2 O projeto deverá ser inscrito em uma das seguintes modalidades: 

  • I. Fundamental - projeto desenvolvido por aluno(s) regularmente matriculados no 8º e 9º ano do ensino fundamental em instituições públicas ou privadas. 
  • II. Médio - projeto desenvolvido por aluno(s) regularmente matriculados no ensino médio nas modalidades regular, educação especial e EJA, das redes públicas e privadas. 
  • III. Técnico Subsequente - projeto desenvolvido por aluno(s) regularmente matriculados em cursos técnicos subsequentes da rede federal de ensino. 

5.6 O aluno deve referenciar e incluir créditos em todo conteúdo inserido em sua pesquisa que não seja de sua própria autoria, identificando os autores e as fontes destes materiais. 

5.7 Projetos que possuam conteúdos plagiados ou copiados sem as devidas referências são sujeitos a desclassificação. 

5.8 O projeto desenvolvido na Modalidade Médio deve seguir a Metodologia Científica ou a Metodologia de Engenharia, com rigor científico, de modo a produzir os seguintes documentos: 

  • I. Plano de Trabalho: preparado antes do início do projeto; 
  • II. Diário de bordo: preparado durante toda a execução do projeto; 
  • III. Artigo do Projeto: preparado após a conclusão do projeto; 
  • IV. Pôster: preparado após a conclusão do projeto. 

5.8 O projeto desenvolvido nas Modalidades Fundamental e Técnico Subsequente deve seguir a Metodologia Científica ou a Metodologia de Engenharia, com rigor científico, de modo a produzir os seguintes documentos:

  • I. Plano de Trabalho: preparado antes do início do projeto;
  • II. Pôster: preparado após a conclusão do projeto.

5.10 O Plano de Trabalho é um instrumento que formaliza a intenção do grupo ao realizar a atividade de investigação. O mesmo auxilia a Comissão de Avaliação entender o que o projeto busca elucidar e esclarece quais Formulários Adicionais devem ser preenchidos pela equipe. 

5.11 O Plano de Trabalho deve ter prazo de execução entre junho a novembro de 2019 e deve incluir: 

  • I. Declaração de problema 
  • II. Hipótese ou objetivo de engenharia 
  • III. Procedimentos: Detalhe dos procedimentos e delineamento experimental a serem utilizados para coleta de dados 
  • IV. Análise de dados: descreva os procedimentos que você usará para analisar os dados que respondem a pergunta ou hipótese de pesquisa. 
  • V. Cronograma: Distribuição de julho a novembro das etapas do projeto. 
  • VI. Bibliografia: Liste pelo menos três (3) referências principais (por exemplo, artigos de revistas científicas, livros, sites da Internet) da sua pesquisa bibliotecária. 
  • VII. Informação se o plano apresentado é continuação de um projeto em andamento ou já executado. Em caso afirmativo, a Comissão Organizadora entrará em contato com a equipe e solicitará informações sobre as etapas do projeto que já foram executadas. 
  • VIII. Informação se você planeja usar animais vertebrados, Agentes Biológicos Potencialmente Perigosos, Produtos Químicos, Atividades e Dispositivos Perigosos, atividades envolvendo pessoas (coleta de amostras, entrevistas, aplicação de questionários). Em caso afirmativo, será necessário o uso de formulário específico (modelo disponível) . 
  • IX. Informação se o plano envolve estudos comseres humanos (incluindo entrevistas e pesquisas). Em caso afirmativo, será necessário o uso de Formulário de Consentimento de Participação Humana (modelo disponível). 

5.12 O Diário de Bordo é um caderno de anotações que não tem regras. Ele corresponde às anotações e fotos que a equipe faz desde as primeiras ideias sobre o trabalho, momentos de descontração, momentos de trabalho duro, momentos de reunião, momentos que deu errado, que deu certo, ou seja, é no Diário de Bordo que a equipe conta a história do seu trabalho. Portanto, é nele que o avaliador vai sentir como a equipe se envolveu com o projeto. 

5.13 O Artigo do Projeto é a exposição escrita na qual se descrevem fatos verificados mediante pesquisas, execução de experiências e também a reflexão a partir das questões identificadas. Geralmente acompanhado de documentos demonstrativos, tais como diagramas, tabelas, gráficos, estatísticas e outros. 

5.14 O Pôster é um meio de comunicação visual. é um painel que apresente de forma visualmente interessante e esteticamente atraente as informações fundamentais para a compreensão da pesquisa realizada. 

5.15 Os projetos não podem envolver, em nenhum estágio da sua execução, os seguintes itens: 

  • I. Produtos derivados do sangue, tecidos frescos, dentes ou fluidos corporais; 
  • II.Animais vertebrados não humanos e suas partes, exceto ovos; 
  • III. Ingestão ou inalação de qualquer substância por pessoa humana - sem cheiro / flutuação ou ingestão / mastigação de QUALQUER COISA) - NADA em ou em partes da boca - incluindo mas não limitado a dentes, língua, lábios; 
  • IV. Agentes Patogênicos; 
  • V. DNA recombinante; 
  • VI. Produtos químicos carcinogênicos ou mutagênicos; 
  • VII. Gás comprimido (incluindo, mas não limitado a CO2); 
  • VIII. Substâncias controladas; 
  • IX. Produtos químicos explosivos; 
  • X. Substâncias ou dispositivos perigosos; 
  • XI. Equipamento de alta tensão; 
  • XII. Produtos químicos altamente tóxicos; 
  • XIII. Lasers (qualquer força), exceção: termômetros infravermelhos; 
  • XIV. Raios-X de radiação ionizante ou energia nuclear; 
  • XV. Materiais radioativos (exceto materiais naturais não ionizantes); 

6. INSCRIÇÃO 

6.1 A inscrição é totalmente gratuita e será feita exclusivamente pela internet, no website https://vivaciencia-tocantins.webnode.com/. 

6.2 As inscrições deverão ser realizadas de 12 de junho de 2019 até o dia 25 de agosto de 2019

6.3 A inscrição será realizada por projeto e não por participantes. 

6.4 No ato da inscrição será solicidado, além das informações do Plano do Trabalho, os seguintes dados: 

  • I. Dados pessoais da equipe (nome, CPF e e-mail do orientador, alunos, coorientadores - quando houver). O nome dos participantes deve ser preenchido em sua completude (sem abreviações), pois os mesmos serão utilizados na emissão dos certificados. 
  • II. Título do trabalho: o título do trabalho deve ser claro e preciso, identificandoo seu conteúdo. Em essência, o título deve ser capaz de despertar a atenção dos leitores. 
  • III. Categorias
  1. Ciência Júnior: projeto desenvolvido por aluno(s) regularmente matriculados no 8º e 9º ano do ensino fundamental em instituições públicas ou privadas;
  2. Ciência: projeto desenvolvido por aluno(s) regularmente matriculados no ensino médio nas modalidades regular, educação especial e EJA, das redes públicas e privadas ou por aluno(s) regularmente matriculados em cursos técnicos subsequentes da rede federal de ensino.  
  3. Engenharia:  projeto desenvolvido por aluno(s) regularmente matriculados no ensino médio nas modalidades regular, educação especial e EJA, das redes públicas e privadas ou por aluno(s) regularmente matriculados em cursos técnicos subsequentes da rede federal de ensino.   
  • IV. Áreas do Conhecimento
  1. Projeto de Ciência: Ciências Exatas e da Terra; Ciências Biológicas; Ciências da Saúde; Ciências Agrárias; Ciências Sociais Aplicadas; Ciências Humanas e Lingüística, Letras e Artes 
  2. Projeto de Engenharia: Engenharia Civil; Engenharia de Minas; Engenharia de Materiais e Metalúrgica; Engenharia Elétrica; Engenharia Mecânica; Engenharia Química; Engenharia Sanitária; Engenharia de Produção; Engenharia Nuclear; Engenharia de Transportes; Engenharia Naval e Oceânica; Engenharia Aeroespacial; Engenharia Biomédica e Engenharia Agrícola. 


6.5 Caso seja constatado pela comissão organizadora que um projeto foi inscrito em uma categoria e/ou área de conhecimento que não corresponde ao trabalho que se deseja executar, o mesmo poderá ser remanejado para outra categoria e/ou área de conhecimento conforme deliberação da comissão responsável pela VIVA CIÊNCIA 2019. 

6.6 Nos casos em que o quantitativo de projetos inscritos em determinadas áreas do conhecimento forem inferior a 5 (cinco), a Comissão Organizadora poderá fundi-los em uma única categoria, para tanto, será levando em conta o grau de afinidade das respectivas áreas do conhecimento. 

6.7 A Comissão organizadora da VIVA CIÊNCIA 2019 não se responsabilizará por inscrições não efetivadas por motivos de ordem técnica, falhas de comunicação, congestionamento de linhas de comunicação, divergência de horários ou outros fatores que impossibilitem a transferência de dados. 

6.8 A submissão do Plano de Trabalho não assegura, em nenhuma oportunidade, direito automático à participação na Mostra de Projetos. 

6.9 Até o dia 30 de agosto de 2019 será anunciada no site do evento a lista de projetos com inscrições homologadas. Os projetos que tiverem a inscrição homologada não estarão, necessariamente, selecionados para participar da Mostra de Projetos. 

7. PROJETOS FINALISTAS 

7.1 No período de 2 a 8 de setembro de 2019 os projetos com inscrição homologada passarão pela análise de um Comitê de Avaliação, designado pela Comissão Organizadora da VIVA CIÊNCIA 2019, que considerará os seguintes aspectos: criatividade e inovação da pesquisa, conhecimento científico do problema, metodologia de condução da pesquisa e a clareza na apresentação. Não serão divulgadas notas desta seleção. 

7.2 Dentre os projetos que tiverem a inscrição homologada, apenas 60 (sessenta) deles, que passarão a ser denominados "Projetos Finalistas", serão selecionados para participar da Mostra de Projetos. 

7.3 O número dos Projetos Finalista obedecerá o seguinte quantitativo: 

  • I. Modalidade Fundamental (Projeto Ciência Júnior): Máximo 10 projetos; 
  • II. Modalidade Médio (Projeto de Ciência e Engenharia): Máximo 40 projetos; 
  • III. Modalidade Técnico Subsequente (Projeto de Ciência e Engenharia): Máximo 10 projetos. 

7.4 A lista contendo os nomes do Projetos Finalista serão divulgado no dia 09 de setembro de 2019 no site do evento. 

7.5 Não serão enviadas mensagens confirmando a seleção, ou a reprovação, de projetos, sendo de total responsabilidade dos inscritos verificar no site do evento se seu projeto foi selecionado como Projeto Finalista

7.6 Até o dia 18 de novembro de 2019 os Projetos Finalistas, selecionadas na Modalidade Ensino Médio, deverão enviar para o e-mail contato@vivaciencia-tocantins.com o "Artigo do Projeto". O arquivo a ser enviado deverá está especificado como "Nome do Projeto.pdf" e de acordo com o modelo disponibilizado no site do evento. 

7.7 Até o dia 18 de novembro de 2019 os Projetos Finalistas, selecionadas na Modalidade Ensino Médio, deverão entregar para a comissão organizadora da VIVA CIÊNCIA 2019 o seu "Diário de Bordo". No dia anterior a "Mostra de Projetos" os diários serão devolvidos pela Comissão organizadora as equipes. 

8. MOSTRA DE PROJETOS 

8.1 A Mostra de Projetos ocorrerá nos dias 03 e 04 de dezembro de 2019 na área de convivência do Campus Araguaína/IFTO. 

8.2 A localização dos estandes será designada pela Comissão Organizadora, no ato do credenciamento. 

8.3 No dia do credenciamento, conforme a programação, os participantes retiram os crachás e o material do evento, bem como as orientações para a montagem do estande. No ato do credenciamento, cada participante deverá entregar o Termo de Responsabilidade, Convivência e Publicidade, devidamente assinado pelos responsáveis. 

8.4 Após a monstagem do estande a equipe deverá solicitar a um integranteda Comissão Organizadora, que revise o estande a fim de receber um termo de liberação do mesmo, que deverá ser anexado junto ao Diário de Bordo. O estande que não tivera liberação pela Comissão durante o período de credenciamento, em função da ausência ou negligência da equipe, estará automaticamente desclassificado. 

8.5 Cada projeto ocupará um estande onde haverá duas cadeiras e uma mesa para o apoio de produtos, protótipo, maquete, computadores ou outros equipamentos. 

8.6 É de responsabilidade dos participantes realizar o transporte, a instalação e a remoção do material exposto após encerramento do evento. 

8.7 As equipes deverão utilizar o espaço disponível de seu estande para expor o material de seu projeto. Se as medidas ocupadas pelo material do projeto (protótipo, maquete ou estrutura) ultrapassar o espaço disponível do estande, os alunos deverão buscar soluções alternativas como fotografias, vídeos ou protótipos reduzidos. 

8.8 Não serão permitidos nos estandes dos projetos a presença de organismos vivos, espécimes (ou partes) dissecadas, animais vertebrados ou invertebrados, órgãos ou membros de animais e, ou, humanos ou fluídos (sangue, urina, etc.), substâncias tóxicas ou de uso controlado, colocação em marcha de motores ou similares, materiais cortantes (seringas, agulhas, vidros que possam provocar ferimentos); fotografias ou quaisquer outras formas de apresentação visual que possam chocar o público (técnicas cirúrgicas, dissecação, necrópsia ou outras técnicas similares), aparelhos de áudio que não façam parte do projeto, sistemas que produzam sons contínuos ou trilhas musicais que sejam dispensáveis à apresentação e compreensão do projeto. 

8.9 Se a Comissão Organizadora considerar que a presença ou operação de qualquer equipamento ou material seja perigosa ou insegura, ela terá o direito de proibir a presença ou operação de tal equipamento ou material. 

8.10 Não serão fornecidos equipamentos ou ferramentas tais como: aparelho leitor de DVD, data show, televisor, microcomputador, regulador de tensão, transformador, ferramentas manuais ou elétricas entre outras. 

8.11 O acesso às tomadas elétricas é limitado, por isso, caso necessite solicite a Comissão Organizadora até 2 (duas) semanas antes da realização da Mostra de Projetos. 

8.12 A organização do evento poderá disponibilizar alguns itens de material de expediente para montagem do estande, tais como fitas adesivas, tesouras e cordas. 

8.13 A Mostra de Projetos será aberta à visitação da comunidade e escolas da região. 

8.14 Cada grupo deverá manter a área do seu estande limpa e arrumada e descartar qualquer lixo nos locais apropriados. 

8.15 A organização do evento NÃO se responsabilizará por danos, avarias, acidentes ou extravio de qualquer material relativo à exposição dos trabalhos. 

9. APRESENTAÇÃO DO PROJETO NO DIA DA MOSTRA

9.1 O crachá de identificação será obrigatório para todos os participantes da feira, assim como as camisas, caso sejam disponibilizadas pela organização do evento. 

9.2 Os alunos deverão zelar pela manutenção e conservação dos equipamentos e materiais, limpeza e ordem no estande durante o período da Mostra de Projetos. 

9.3 Durante o período de visitação, será obrigatória a permanência de, pelo menos, um aluno no estande em tempo integral, sob pena de desclassificação. 

9.4 Não será permitida a aplicação de produtos nos visitantes ou a distribuição de produtos comestíveis durante a Feira. 

9.5 A exposição visual do projeto deverá ser feita através de pôster e deverá conter: 
Título, nomes dos autores, instituição de origem,endereços eletrônicos, questão problema, objetivos ou hipótese, metodologia,resultados e referências bibliográficas.

9.6 Os textos devem ser legíveis a uma distância de 1.0m dando preferência afiguras, fotos, esquemas e gráficos.

9.7 O título do pôster deve ser o mesmo postado na ficha de inscrição, incluir logotipos da instituição participante e de agências de fomentos se houver. 

9.8 O pôster deverá ter as seguintes dimensões máximas: largura 0.90m e alturade 1.20m e estrutura de fixação em parede. 

9.9 Imagens e gráficos deverão estar identificados com legendas. 

9.10 As equipes devem preparar uma apresentação oral com duração entre 10 e 15 minutos. 

9.11 Cada aluno, membro do projeto, deverá estar preparado para a apresentação oral do mesmo. 

9.12 O orientador e coorientador não poderão apresentar o projeto no lugar dos alunos. 

9.13 O funcionamento de protótipos pode ser demonstrado, mas não é obrigatório. 

9.14 Os alunos podem recorrer ao uso de recursos auxiliares como apresentações audiovisuais, slides e vídeos. 

9.15 Em nenhuma hipótese será permitida a propaganda política, religiosa, social ou classista durante a realização do evento. O não cumprimento desta determinação levará a Comissão Organizadora a dispensar o trabalho e seus expositores. 

10. AVALIAÇÃO DOS PROJETOS

10.1 Os projetos serão avaliados por comissões constituídas de profissionais liberais, professores, alunos de cursos de pós graduação, criteriosamente selecionados para proceder à avaliação.

10.2 Orientador e coorientador de Projetos Finalistas não poderão atuar como avaliador. 

10.3 Os projetos da Modalidade Ensino Médio serão avaliados em 4 (quatro) categorias: 

  • I. Artigo do Projeto; 
  • II. Apresentação Oral; 
  • III. Diário de Bordo; 
  • IV. Pôster. 

10.4 Os projetos das Modalidades Ensino Fundamental e Subsequente serão avaliados em 2 (duas) categorias: 

  • I. Apresentação Oral; 
  • II. Pôster. 

10.5 Os trabalhos serão avaliados por comissões específicas e ocorrerá em 2 (dois) momentos:

  • 1º) 25 a 29 de novembro: Artigo do Projeto e Diário de Bordo 
  • 2º) 04 de dezembro: Pôster e Apresentação Oral (durante a Mostra de Projetos) 

10.6 No dia da Mostra de Projetos, durante o momento da apresentação do projeto aos avaliadores, não será permitida a intervenção do orientador e do coorientador.

10.7 No dia da Mostra, cada projeto será visitado por avaliadores que julgarão a Apresentação Oral e o Pôster. Os avaliadores serão orientados a não gastar mais de 20 minutos com cada projeto, então tente se concentrar nos passos mais importantes do seu projeto. Os avaliadores poderão fazer perguntas sobre seu projeto. Certifique-se de que cada avaliador assinou a lista de Registros do Avaliador antes de que ela saia do seu estande. 

10.8 Os critérios de avaliação e pontuação de cada categoria serão disponibilizados no site.

10.9 Os projetos da Modalidade Ensino Médio em caso de empate na avaliação será utilizado o critério da maior nota no critério "Artigo do Projeto". Persistindo o empate, serão levadas em consideração as notas dos quesitos "Apresentação Oral" e "Pôster" respectivamente. 

10.10 Os projetos das Modalidades Ensino Fundamental e Subsequente em caso de empate na avaliação será utilizado o critério da maior nota no critério "Apresentação Oral". 

11. CERTIFICADOS E PREMIAÇÕES

11.1 Todos os alunos selecionados para apresentar seus trabalhos na Mostra de Projetos, bem como os respectivos orientadores e coorientadores, receberão certificado de participação. 

11.2 A emissão de certificados será feita com base nas informações do formulário de inscrição (nome do orientador, alunos, coorientadores - quando houver - e título do projeto). 

11.3 Os projetos da Modalidade Ensino Médio serão premiados com medalhas e certificados por área de conhecimento nas seguintes categorias: 

  • I. Artigo do Projeto; 
  • II. Apresentação Oral; 
  • III. Diário de Bordo 
  • IV. Pôster. 

11.4 Os projetos da Modalidade Ensino Fundamental e Subsequente serão premiados com medalhas e certificados nas categorias: 
  • I. Apresentação Oral; 
  • II. Pôster. 

11.5 Além dos prêmios citados no item 11.3 e 11.4, haverá uma categoria de prêmio denominada "Projeto da Galera", cuja votação ocorrerá via rede social. 

11.6 Categorias extras de prêmios poderão ser aplicadas e serão revelados apenas na cerimônia de premiação. 

11.7 Poderão ser parte da premiação o credenciamento para participação em outras Feiras. Neste caso será selecionado o(s) projeto(s) que obter a maior soma de pontos em todas nas 4 (quatro) categorias: Artigo, Apresentação Oral, Diário de Bordo e Pôster. 

11.8 O credenciamento para participar em outras Feiras refere-se ao direito a vaga para o evento não sendo responsabilidade da Comissão Organizadora da VIVA CIÊNCIA o custeio de viagem e hospedagem dos alunos premiados e seus orientadores. 

11.9 A cerimônia de premiação será realizada dia 05 de dezembro de 2019 às 17 horas no auditório do Campus Araguaína/IFTO. 

12. DISPOSIÇÕES FINAIS

12.1 A Comissão Organizadora é soberana em suas decisões, bem como cabe só a ela o veredicto final. As equipes deverão estar cientes de sua autoridade. 

12.2 A Comissão Organizadora se reserva o direito de modificar ou ajustar a qualquer momento este Regulamento. 

12.3 Todos os integrantes e participantes da VIVA CIÊNCIA 2019, em caráter gratuito, irrevogável e irretratável, o Campus Araguaína/IFTO a captar e fixar imagens e vozes durante a realização das atividades do evento, em qualquer suporte existente, bem como transmiti-las via mídia de qualquer espécie, disseminá-las através da internet ou dar às mesmas qualquer outra utilização relativa ao evento. 

12.4 A Comissão Organizadora não se responsabilizará por qualquer dano ocorrido aos materiais dos participantes. 

12.5 Fica sob a responsabilidade dos participantes zelar pelos seus pertences.

12.6 Eventuais omissões deste Regulamento serão sanadas pela Comissão Organizadora.


COMISSÃO ORGANIZADORA DA VIVA CIÊNCIA 2019